‘Em Família’: Clara ameaça deixar Cadu por Marina. ‘Se acontecer você vai saber’

Cadu (Reynaldo Gianecchini) e Clara (Giovanna Antonelli) terão uma briga feia por causa de Marina (Tainá Müller) no capítulo que vai ao ar em 4 de abril na novela “Em Família”. Com ciúmes da fotógrafa, o chef confronta a mulher e os dois chegam a ponto de acabar o casamento. Furiosa, a dona de casa admite que não se assusta com a ideia de se tornar ex-mulher dele e dispara, sobre a amiga: “Não é o que você está pensando não (…) ainda não é. Pode vi a ser!”.

Tudo acontece quando Marina dá uma carona para Clara – que vai a uma reunião na escola de Ivan (Vitor Figueiredo) -, e decide esperar para levar mãe e filho para casa depois. Cadu chega bem na hora que os três estão saindo e fica indignado com o que vê. “Que é que está acontecendo? O que ela está fazendo aqui? Só estou vendo pais e mães! A mãe do Ivan é você. E ela? Agora ela é que é o ‘pai’ do meu filho?”, ele pergunta à mulher .

Já em casa, Clara estoura: “Você foi grosseiro em se comportar do que jeito que se comportou! Quem você pensa que é?” e Cadu rebate: “Sou seu marido. Tenho o direito de saber o que está acontecendo! (…) Não vou permitir que você me faça de idiota”. Revoltada, a irmã de Helena (Julia Lemmertz) afirma que ele foi um idiota por conta própria e que só moleques e cafajestes se comportam dessa forma. “Não é o que você está pensando não. Ou se quer que eu seja mais direta: ainda não é. Pode vi a ser! Mas esteja certo de uma coisa: se acontecer, você vai ser o primeiro a saber. Isso se ainda estivermos vivendo juntos!”, ela declara.

Cadu pergunta se a mulher está acabando com o casamento, ao que ela responde: “Ainda não, mas acabo se for necessário à minha felicidade. O que é que você pensa? Que eu me casei para usar aliança na mão esquerda? Para que me chamem de senhora? Para ser respeitada nas reuniões de condomínio? Acorda, cara! Eu me casei para ser feliz! Foi com você porque te amei, mas podia ser com qualquer um”. “Eu não quero você se relacionando com essa mulher!”, insiste o empresário, e Clara é seca: “Não me faça ter pena de você”.

Os dois continuam discutindo, alterados, até que Cadu apela: “Quem sabe você esteja preferindo a companhia dessa moça do que a minha companhia e a companhia do nosso filho?”. “Não ponha o Ivan no meio dessa história. Ele jamais será atingido por qualquer passo que eu dê para ser feliz. Posso ser ex-mulher, isso não me assusta. Mas ex-mãe nunca. Não existe ex-mãe”, ela garante, e pega sua bolsa para sair. O marido ainda lhe pergunta onde vai, mas Clara está tão enraivecida que solta um “Não te interessa” e bate a porta atrás de si.

Magoada, ela vai para o estúdio de Marina para se desculpar e chega com um buquê de flores nas mãos. As duas ficam se olhando por alguns instantes e se abraçam, emocionadas.

Anúncios